282461

5 truques para modelar a sua silhueta sem ir à academia e aproveitar ao máximo as fabulosas cintas modeladoras

Não é segredo para ninguém que nós, mulheres, amamos cuidar do nosso corpo. É muito importante estar sempre bonita e preparada para todos os tipos de ocasiões. É por isso que, ao escolher nossas roupas, devemos ter muito cuidado para que nossa silhueta pareça esbelta e que não se notem os quilinhos extras que tanto nos deixam envergonhadas.

Existem vários truques que podem ser usados ​​para disfarçar aqueles pneuzinhos terríveis que tantos detestamos, e uma delas é usar a famosa cinta modeladora.

As cintas modeladoras se tornaram muito populares nos últimos tempos à medida que mais e mais mulheres estão começando a usá-las. E está provado que os resultados são realmente satisfatórios e ajudam a ter uma aparência de diva.

Além de modelar a silhueta, esse tipo de cinta também serve para vários propósitos, incluindo achatar o abdômen, levantar algumas regiões e suavizar as curvas. As cintas funcionam por meio de tecidos de compressão que dão um contorno suave ao corpo e evitam o desconforto. Algumas cintas também atuam nas panturrilhas e nos glúteos.

Supot Phanna / Shutterstock.com

Recomenda-se que as mulheres adquiram este tipo de cinta, principalmente aquelas que não têm costura, pois, quando este material exerce pressão sobre o corpo, ele pode criar marcas desconfortáveis ​​que resultam em lesões na pele.

Esse fotógrafo mostra que o ângulo é mais importante que o lugar e captura imagens incríveis

Abaixo, nós apresentamos 5 coisas que você deve saber sobre o uso das cintas modeladoras:

1. Se você usar a cinta com frequência, ela poderá te ajudar a perder peso e a criar uma postura mais ereta. Sem dúvida, você terá uma aparência melhor e, com isso, melhorará sua autoestima e segurança. Os suportes das cintas também ajudam a evitar a dor nas costas como resultado das posturas erradas que adotamos durante o dia.

2. Outro benefício que recebemos das cintas é que elas podem ajudar a devolver o abdômen ao seu estado natural. A compressão da cinta ajuda a reduzir o estresse muscular e garante que a elasticidade seja preservada, o que resulta em uma recuperação pós-parto mais eficaz (para aquelas que acabaram de dar à luz).

3. Recomenda-se usar a cinta primeiro por algumas horas e aumentar constantemente seu uso de maneira contínua. É claro que você não deve dormir nem se exercitar com ela.

4. Embora geralmente seu uso não exija a prescrição de um médico, existem tipos de cintas pós-parto ou pós-operatórias que devem ser usadas sob a indicação de um especialista. Para saber que tipo de cinta usar primeiro, você deve saber qual área do seu corpo deseja ajustar e, assim, fazer a melhor escolha.

5. Você deve saber que as cintas de corpo inteiro seguram o abdômen, as costas e as pernas, especialmente após um procedimento cirúrgico, ajudando a reduzir a inflamação e a modelar sua silhueta.

Sem dúvida, levando em conta estas dicas sobre o uso de cintas, você vai parecer uma diva e será a sensação entre seus amigos e familiares.

Debate, Encanto Latino

Como escolher calças que “caiam” bem em seu corpo


Este artigo é destinado apenas a fins informativos. Antes de usar qualquer uma destas informações, consulte um especialista devidamente habilitado. O uso das informações descritas acima pode ser prejudicial para a saúde. O conselho editorial não garante resultados e não assume qualquer responsabilidade por danos ou outras consequências que possam resultar do uso da informação fornecida acima.

Perfeito
Curta-nos
no Facebook para
receber nossas melhores
publicações.
5 truques para modelar a sua silhueta sem ir à academia e aproveitar ao máximo as fabulosas cintas modeladoras
x

Рады, что вам понравился этот пост!

Dale a Me Gusta en Facebook para recibir más posts increíbles

Мне уже нравится Маркетиум